Sem mencionar prisões, Temer defende liberdades individuais - Dia News Brasil - Noticias Online e Noticias do Brasil

ULTIMAS

Publicidade

segunda-feira, 2 de abril de 2018

Sem mencionar prisões, Temer defende liberdades individuais


Gilberto Occhi, nesta segunda-feira (2), em cerimônia no Palácio do Planalto.

Habitação do banco. Ele substitui Occhi, que na cota de indicados do PP, foi deslocado do comando da Caixa para o Ministério da Saúde.

Vão disputar as eleições se descompatibilizarem do cargo.

Prisões de amigos do presidente Michel Temer na operação Skala, que investiga irregularidades no setor de portos e resultou nas prisões temporárias de dois amigos do presidente – o advogado José Yunes, ex-assessor especial da Presidência da República, e João Baptista Lima Filho, ex-coronel da Polícia Militar de São Paulo. Os dois e outros 8 investigados foram soltos neste sábado (31) por decisão judicial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário