'Minha vida é ficar no porão o dia todo', conta síria - Dia News Brasil - Noticias Online e Noticias do Brasil

ULTIMAS

Publicidade

quinta-feira, 15 de março de 2018

'Minha vida é ficar no porão o dia todo', conta síria


Guta Oriental. Também passou a viver em alerta, para se proteger de bombardeios que poderiam ocorrer no seu trajeto percorrido à pé à mesquita ou à escola em que trabalhava. Há pouco menos de um mês, os ataques se intensificaram a tal ponto que teve de largar o trabalho e passar boa parte do dia em um porão com familiares e vizinhos. Há três semanas, sua casa foi totalmente destruída.

Guta Oriental. A região que fica nos subúrbios de Damasco é um dos últimos redutos de rebeldes da Síria que lutam contra as forças de Assad. Em três semanas de intensos bombardeios com apoio da Rússia, mais de mil civis morreram. Em todo o país, a guerra civil, que completa 7 anos nesta quinta-feira (15), deixou 500 mil mortos, segundo o recente balanço do Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

Não conseguiu seguir carreira por causa da guerra. Passou a dar aulas em uma escola para ajudar as crianças da sua cidade. Hoje tenta continuar com as aulas no porão.

Nós usamos os porões. Não temos livros escolares porque o regime impediu que eles entrassem em Guta durante o cerco. Na maior parte do tempo, dependemos das organizações para nos trazer alguns desses instrumentos para o processo educacional”.

Usam o subsolo de prédios que não foram destruídos para se proteger dos ataques aéreos. O porão em que Nisreen se esconde em média 20 horas ao dia tem cerca de 300m2 e abriga por volta de 150 pessoas, sendo 70 crianças. Nele, não há ventilação nem luz natural.

Deram uma pausa, Nisreen sobre para o apartamento que fica em cima do porão, que é de sua irmã, para cozinhar. Ela foi morar lá depois que sua casa foi totalmente destruída em um bombardeio há três semanas. “Temos sorte porque temos um apartamento em cima do porão, mas muitas das famílias não têm para onde ir, eles têm que ficar lá 24 horas”, diz.



FONTE: G1

Essa é mais uma Edição de Noticias Online do Dia News Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário